O Estado autoritário e a pedagogia do silêncio - 1964-1979, Editora Insular

R$49,00

O Estado autoritário e a pedagogia do silêncio - 1964-1979
[15x21cm]

O Estado autoritário e a pedagogia do silêncio - 1964-1979
Autora: Áurea Oliveira Silva

ISBN: 978-85-524-0137-7
Páginas: 160
Peso: 250g
Ano: 2019

Este livro, transpassado pelo sofrimento e em forma de denúncia, expõe a repressão político-ideológica instaurada em 1964 em nosso país e sua repercussão em Santa Catarina até 1979, quando ocorreu a Novembrada. A sociedade foi submetida aos interesses escusos da elite brasileira e dos patrocinadores do golpe, os EUA.
Sob a alegação de combater os inimigos internos, amparada na Doutrina de Segurança Nacional, instalou-se o medo e, assim, muitos começaram a agir e pensar segundo queriam os opressores. Educou-se para submeter, não só pela violência física, mas pela censura e alienação negou-se a informação e promoveu-se o esquecimento.
À submissão contrapôs-se a resistência e, mesmo aqueles que se exilaram internamente, vivendo à sombra, foram solidários. O enfrentamento, muitas vezes foi direto, mas também pela voz oblíqua: falar o que era permitido para dizer o que era proibido.
Transcorridas quase seis décadas de 1964 e dois anos do golpe parlamentar e jurídico de 2016, muitos ainda têm medo de se manifestar, pois a educação repressiva, imposta pelo regime militar, ensinou a calar. A lição que ficou é que, neste momento, além de prosseguir na luta por justiça social, lembrar do que aconteceu é o que pode impedir de tornar a acontecer.

A publicação deste livro ocorre neste trágico momento em que se reimplanta mais uma fase opressiva e entreguista em nosso país.
A autora questiona como a repressão física e psicológica do Estado, em colaboração com instituições da sociedade civil, provoca o silêncio, a alienação e o exílio interno e externo. Como, por meio de seus aparelhos repressivos e ideológicos, educou os indivíduos a aprender a calar, ao silêncio. Incita-nos, enfim, a refletir sobre a Pedagogia do Silêncio. Em oposição à coerção, construiu-se a resistência a este processo opressor. Para explicá-la, seguiu pela história dos movimentos e as diversas formas que os catarinenses encontraram para sobreviver e se rebelar. As vozes horizontais, verticais e oblíquas vibraram.
Registrou, por meio de entrevistas, muitas vezes dramáticas, a luta contra a ditadura, a solidariedade, as dores, as perdas sociais e individuais. Também explanou a estratégia de organização desse Estado sem direitos que oprimiu, violentou e silenciou.

Áurea Oliveira Silva nasceu em 5/4/1943 na Fazenda Aurora, em Rancho de Cacau, município de Uruçuca, no sul da Bahia. Aos 3 anos perdeu a mãe e passou muitas dificuldades numa família de pequenos agricultores de 5 irmãs e 4 irmãos.
Em Salvador, participou do Grêmio Estudantil do Ginásio Duque de Caxias. Aos 19 anos foi para SP e depois para o RJ, onde trabalhou no IBRA e nas favelas pelas Comunidades Eclesiais de Base. Perseguida, fugiu para Ilhéus (BA), mais tarde retornando a SP. Foi operária e militou em fábricas, sendo presa no Dops e OBAN. Solta, ingressou na Ação Popular (AP) e viveu um exílio interno até março de 1973, quando se exilou no Chile. O golpe contra o presidente Salvador Allende a levou para o Canadá (1974) e Moçambique (1978). Com a Anistia, em 1980 retornou ao país. Em 1987 foi reintegrada ao INCRA (ex-IBRA).
Estudou na UFMS e na UNICAMP, onde graduou-se em Pedagogia (1989). Mestre em Educação pela UFSC (1994).
Casada há 50 anos com o companheiro e médico sanitarista Pio Pereira dos Santos, têm os filhos Vladimir e Juliana e os netos Luísa, Helena, Luana e Gabriel.

Comentários

Categorias
  Administração (29)
  Administração Universitária (11)
  Agronomia (7)
  América Latina (48)
  Anarquismo (8)
  Antropologia (14)
  Automotivação (27)
  Avaliação Universitária (16)
  Biblioteconomia / Ciência da Informação (4)
  Biografia (72)
  Biologia (5)
  Ciências Sociais-> (76)
  Cinema (2)
  Coleção Debate Social (3)
  Coleção Jornalismo Audiovisual (7)
  Coleção Jornalismo e Acontecimento (4)
  Coleção Jung sai pra rua (2)
  Coleção Linguística (5)
  Coleção Pátria Grande (7)
  Coleção Pedrinho (3)
  Coleção Pensadores da Pátria Grande (4)
  Coleção Segurança Pública (5)
  Comunicação / Jornalismo (182)
  Contestado (11)
  Contos (27)
  Crônica (30)
  Cultura (6)
  Desenvolvimento Regional (4)
  Direito-> (69)
  Ecologia / Meio Ambiente (32)
  Economia (26)
  Educação (94)
  Enfermagem (3)
  Engenharia / Arquitetura-> (22)
  Espiritualismo (15)
  Esporte (10)
  Estudos Culturais (12)
  Estudos em Jornalismo e Mídia (9)
  Ficção Cientifíca (6)
  Filosofia (9)
  Florianópolis / Santa Catarina (65)
  Futebol (8)
  Geografia (26)
  Gerenciamento (3)
  História (145)
  Humor (3)
  Infantojuvenil (11)
  Jornalismo (12)
  Jornalismo/crônicas (3)
  Linguística (36)
  Literatura (124)
  Matemática (3)
  Neurolinguística (1)
  Nutrição (6)
  Permacultura (1)
  Poesia (64)
  Política (49)
  Psicologia (13)
  Radiotividade (2)
  Relações Internacionais (10)
  Religiosidades (16)
  Romance (36)
  Saúde (23)
  Segunda Guerra Mundial (6)
  Segurança Pública (11)
  Série Comunicação Audiovisual (2)
  Série Construindo a Tradução (2)
  Série Estudos Culturais (6)
  Série Estudos de Língua de Sinais (3)
  Série Jornalismo a Rigor (13)
  Série Jornalismo e Sociedade (6)
  Série Jovens Pesquisadores (1)
  Série Mundos Paralelos (2)
  Série Palavra de Mulher (2)
  Série Tecnologia Social (6)
  Serviço Social (4)
  Sociologia-> (36)
  Tecnologia Social (3)
  Teoria da Decisão (1)
  Transporte (4)
  Urbanismo (5)
  VESTIBULAR-> (7)
Pesquisa rápida
 
Utilize palavras chave para pesquisar livros.
Pesquisa avançada
Compartilhar o livro