O juro da notícia - Jornalismo econômico pautado pelo capital financeiro, Editora Insular

R$38,00

O juro da notícia - Jornalismo econômico pautado pelo capital financeiro
[15 x 21cm]

O juro da notícia - Jornalismo econômico pautado pelo capital financeiro
Autora: Paula Puliti

ISBN: 978-85-7474-707-1
Páginas: 248 il.
Peso: 300g
Ano: 2013

O conteúdo do noticiário econômico praticado nos jornais brasileiros iniciou um processo de transformação a partir da segunda metade dos anos 1980 que consistiu em substituir suas tradicionais fontes de informação – os grandes empresários e produtores rurais, e em menor escala acadêmicos e sindicalistas – por um novo agente que surgia na cena nacional, o economista do mercado financeiro. Formado pelos padrões norte-americanos do neoliberalismo, segundo os quais as forças que levam ao desenvolvimento só se realizam quando, liberadas das amarras do Estado, se encontram e tomam suas decisões num ambiente de mercado livre, esse profissional ocupou espaço cativo na imprensa, levando ao processo de financeirização do noticiário econômico, ou seja, ao predomínio de temas de interesse do mercado financeiro e de suas fontes em detrimento de quaisquer outros agentes sociais. Primeiro, o economista do mercado financeiro ingressou no noticiário para oferecer conselhos sobre como os leitores deveriam proteger seu dinheiro da corrosão inflacionária. Envolto na aura de cientificidade a ele conferida pela vertente do cálculo contida nas Ciências Econômicas, esse profissional nada mais fazia do que, subliminarmente, oferecer ao leitor os instrumentos financeiros da instituição em que trabalhava. Depois, a partir do Plano Real, em 1994, com adoção pelo governo brasileiro dos princípios neoliberais, verificou-se uma série de estratégias comunicacionais desses profissionais para conquistar os jornalistas, pressionando por meio do noticiário o governo e o Legislativo a assumir a agenda do neoliberalismo financeiro, com defesa da redução do tamanho do Estado, o fim da intervenção estatal nos processos econômicos, as privatizações, as reformas e a abertura comercial e de serviços financeiros.
Não é raro encontrar leitores de jornais que perceberam a financeirização do noticiário econômico nas duas últimas décadas.

O que a autora deste livro faz é demonstrar as bases concretas dessas percepções. A partir de um trabalho multimetodológico, foram analisados 14 anos de conteúdo econômico em dois dos maiores jornais gerais do Brasil (1989-2002), Folha de S.Paulo e O Estado de S. Paulo, além de realizadas mais de 40 entrevistas (por telefone e pessoais) com economistas do mercado financeiro, jornalistas de redação e de assessorias de imprensa, acadêmicos e banqueiros. Verificou-se que temas e fontes defensoras dos princípios financistas, incluindo o governo, predominaram no noticiário do período. As entrevistas também revelaram as estratégias comunicacionais adotadas pelo sistema financeiro para atrair os profissionais de imprensa, dominar o noticiário e impor suas ideias como as únicas cientificamente corretas e irrefutáveis. O noticiário tornou-se um espelho do pensamento único e endossou as reformas econômicas de interesse do capital financeiro tratando-as como de amplo interesse nacional, alijando da mídia quaisquer outras ideias divergentes das neoliberais, sobretudo as oriundas dos movimentos sociais e sindicais.

A jornalista Paula Puliti, paulistana, é graduada em Jornalismo e doutora em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade de São Paulo (USP). Fez seu mestrado em História Internacional na London School of Economics and Political Science, com bolsa do British Council. Jornalista profissional desde 1987, Puliti trabalhou na Gazeta de Pinheiros,na revista Saúde da Editora Abril, nos jornais Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo, Diário do Grande ABC e nos últimos 17 anos trabalha na Agência Estado, atuando mais especificamente na área de jornalismo econômico.
e-mail: pulitipaula@hotmail.com

O conteúdo do noticiário econômico praticado nos jornais brasileiros iniciou um processo de transformação a partir da segunda metade dos anos 1980 que consistiu em substituir suas tradicionais fontes de informação – os grandes empresários e produtores rurais, e em menor escala acadêmicos e sindicalistas – por um novo agente que surgia na cena nacional, o economista do mercado financeiro. Formado pelos padrões norte-americanos do neoliberalismo, esse profissional ocupou espaço cativo na imprensa, levando a um processo de financeirização do noticiário econômico, ou seja, ao predomínio de temas de interesse do mercado financeiro e de suas fontes em detrimento de quaisquer outros agentes sociais. Ao fazer, nesse livro, uma análise dessa transformação, a repórter Paula Puliti contribui de forma inédita para a compreensão das relações profundas entre imprensa e setor financeiro.

“O trabalho de Paula Puliti mostra claramente o papel estratégico atribuído pelo capital financeiro ao jornalismo. A paciência e a obstinação com a qual as instituições financeiras foram erguendo, de cabeça pensada, os meios de ocupação do espaço jornalístico, de indução das pautas e direcionamento das coberturas e do processo de criação de significados na cobertura econômica.”

Bernardo Kucinski

Comentários

Categorias
Administração (29)
Administração Universitária (11)
Agronomia (7)
América Latina (48)
Anarquismo (8)
Antropologia (14)
Automotivação (27)
Avaliação Universitária (16)
Biblioteconomia / Ciência da Informação (5)
Biografia (69)
Biologia (5)
Ciências Sociais-> (76)
Cinema (2)
Coleção Debate Social (2)
Coleção Jornalismo Audiovisual (7)
Coleção Jornalismo e Acontecimento (4)
Coleção Jung sai pra rua (2)
Coleção Linguística (5)
Coleção Pátria Grande (6)
Coleção Pedrinho (3)
Coleção Pensadores da Pátria Grande (4)
Coleção Segurança Pública (4)
Comunicação / Jornalismo (176)
Contestado (12)
Contos (26)
Crônica (29)
Cultura (5)
Desenvolvimento Regional (4)
Direito-> (67)
Ecologia / Meio Ambiente (32)
Economia (26)
Educação (93)
Enfermagem (3)
Engenharia / Arquitetura-> (16)
Espiritualismo (15)
Esporte (10)
Estudos Culturais (12)
Estudos em Jornalismo e Mídia (9)
Ficção Cientifíca (6)
Filosofia (9)
Florianópolis / Santa Catarina (63)
Futebol (8)
Geografia (26)
Gerenciamento (3)
História (144)
Humor (3)
Infantojuvenil (11)
Jornalismo (9)
Jornalismo/crônicas (3)
Linguística (35)
Literatura (120)
Matemática (3)
Neurolinguística (1)
Nutrição (6)
Permacultura (1)
Poesia (60)
Política (47)
Psicologia (11)
Radiotividade (2)
Relações Internacionais (12)
Religiosidades (15)
Romance (36)
Saúde (23)
Segunda Guerra Mundial (6)
Segurança Pública (10)
Série Comunicação Audiovisual (2)
Série Construindo a Tradução (2)
Série Estudos Culturais (6)
Série Estudos de Língua de Sinais (3)
Série Jornalismo a Rigor (13)
Série Jornalismo e Sociedade (5)
Série Jovens Pesquisadores (1)
Série Mundos Paralelos (2)
Série Tecnologia Social (6)
Serviço Social (4)
Sociologia-> (37)
Tecnologia Social (3)
Teoria da Decisão (1)
Transporte (4)
Urbanismo (5)
VESTIBULAR-> (7)
Pesquisa rápida
 
Utilize palavras chave para pesquisar livros.
Pesquisa avançada
Compartilhar o livro